Diocese de Taubaté define Prioridades de Evangelização para as Diretrizes Diocesanas de Pastoral (2020-2023)

Realizou-se no último sábado, 16 de novembro, na Paróquia Nossa Senhora Aparecida, em Taubaté, a XIX Assembleia Diocesana de Pastoral.

Os trabalhos tiveram a presidência do Bispo Diocesano, Dom Wilson Angotti, e contou com a organização da Equipe Diocesana de Coordenação de Pastoral (EDCP).

A assembleia foi composta pelo clero e pelos cristãos leigos e leigas representando as pastorais e movimentos, que coordenam na Diocese; além dos integrantes dos CPP’s (Conselho Paroquial de Pastoral) das 49 paróquias que compõe a Igreja Diocesana.
Valorizando a leitura da realidade previamente estabelecida nos processos antecedentes à Assembleia Diocesana, ficaram estabelecidas as seguintes prioridades pastorais para as próximas Diretrizes Diocesanas de Pastoral 2020-2023:

A Assembleia, destacou Dom Wilson, “expressa e é instrumento da unidade diocesana”.

 

 

Será a partir dessas prioridades que a Diocese de Taubaté responderá pastoralmente ao mandato missionário de Jesus da evangelização e construção do Reino de Deus, lançando sua especial atenção ao que o Espírito Santo e a Igreja Diocesana decidiram como prioridades (cf. At 15,28), sensibilizados pelos sinais dos tempos e pela inspiração da Graça de Deus.

Definidas as prioridades pastorais, sucede agora a elaboração da redação das Diretrizes Diocesanas de Pastoral (2020-2023), a ser apresentada e lançada no dia 1º de fevereiro de 2020, às 9h, na Catedral São Francisco das Chagas em Taubaté, e a composição por cada paróquia, do Plano Paroquial de Pastoral, a partir das Diretrizes Diocesanas.

 

Texto: Pe. Thomás Ranieri da Silva – Assessor Diocesano da Pastoral da Comunicação

Fotos: Carlos Domiciano (PASCOM – Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Taubaté e Mário (Paróquia São Pedro Apóstolo – Taubaté)