“Não se deixem enganar pelos falsos messias”, alertou o Papa, no Ângelus

Diante dos fiéis presentes na Praça São Pedro neste domingo, 17, o Papa Francisco, durante a oração do Ângelus, falou sobre a primeira parte de um discurso feito por Jesus, sobre o fim dos tempos.

No Templo de Jerusalém, segundo o Santo Padre, Jesus afirmou que “dias virão em que, tudo o que se vê agora, não ficará pedra sobre pedra”. Então, os discípulos perguntaram-lhe quando isso aconteceria e quais seriam os sinais enviados.

“Primeiro, não se deixem enganar pelos falsos messias e não se deixem paralisar pelo medo. Segundo, vivam o tempo de espera como tempo de testemunho e de perseverança”, aconselhou o Papa.

Ainda de acordo com o Pontífice, o discurso de Jesus remete-se sempre aos dias atuais, pois Ele nos diz para termos cuidado para não deixarmos nos enganar com os falsos profetas.

“Ainda hoje existem falsos ‘salvadores’ que tentam substituir Jesus: líderes deste mundo, santarrões, personagens que querem atrair os corações e as mentes, especialmente os jovens. Mas, Jesus nos adverte: ‘Não os sigam'”.

Continuando, o Papa Francisco disse que o Senhor nos ajuda a não termos medo diante das guerras, das revoluções, bem como das catástrofes naturais e das epidemias, pois Ele nos livra do fatalismo e das falsas visões apocalípticas.

Sobre as adversidades que encontramos, por causa da nossa Fé e da nossa adesão ao Evangelho, o Santo Padre esclareceu que elas devem ser consideradas ocasiões de testemunho, para deixarmos nos abandonar ainda mais nas mãos de Deus e no poder do seu Espírito e na sua graça.

Em seguida, dirigindo seu pensamento aos fiéis presentes, que sofrem perseguições por causa da sua Fé, o Papa convidou-os a admirar a coragem e testemunho de Jesus, alentando-os a permanecerem unidos através da oração e da solidariedade.

“Pela sua perseverança vocês salvarão suas vidas. Quanta esperança nestas palavras. Elas são um convite à esperança e à paciência, a sermos capazes de esperar os frutos seguros da salvação, confiantes no sentido profundo da vida e da história”.

Concluindo, o Pontífice reiterou que a mensagem de Jesus nos faz refletir sobre o nosso presente e nos dá a força para enfrentá-lo, com coragem e esperança, na companhia de Nossa Senhora, que sempre caminha conosco. (LMI)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/53024–ldquo-Nao-se-deixem-enganar-pelos-falsos-messias-rdquo—alertou-o-Papa–no-Angelus#ixzz2lHkLMnmI