Encerramento das atividades do Colégio Diocesano Padre Anchieta

A Diocese de Taubaté informa que os pais e alunos do Colégio Diocesano Anchieta foram comunicados oficialmente sobre o encerramento das atividades em reunião ocorrida no último dia 10 de outubro de 2018.

Segue nota na íntegra:

 

Prezados pais e responsáveis

A CRUZADA ESCOLAR ANCHIETA localizada na Avenida Granadeiro Guimarães, nº 122, Centro, nesta cidade de Taubaté/SP, vem comunicar o encerramento das atividades do Colégio Diocesano Padre Anchieta.

A Cruzada Escolar Anchieta, doravante denominada CEA, Associação sem fins econômicos ou lucrativos, fundada em 18 de fevereiro de 1951, focada à formação completa das crianças: intelectual, moral, espiritual e profissional, durante todos esses anos cumpriu fielmente sua missão em prol da sociedade Taubateana e cidades vizinhas.

Contudo, diante da atual crise econômica do País, que vem afetando diretamente as Instituições e outras várias circunstâncias, que influenciaram negativamente a realidade financeira do Colégio Diocesano Padre Anchieta, a Mantenedora Cruzada Escolar Anchieta, vem notificar a decisão unânime de, infelizmente, encerrar as suas atividades escolares, ao término do ano letivo de 2018, decisão difícil e exigente, para a qual solicitamos a compreensão de todos.

Vítimas da atual crise econômica que nos impossibilita o pagamento adequado do corpo docente, funcionários etc, sabemos que também as famílias são seriamente atingidas pela atual contingência que gera, entre outros, os seguintes problemas:

1. Inadimplência: A alta taxa de inadimplência, onde, são muitos os responsáveis que alegam estar desempregados, o que os impede de manter as mensalidades em dia.
2. Migração dos alunos: A urgente necessidade de as famílias cortarem as despesas, leva.as a transferir seus membros de escola particular para escola pública.
3. Falta de demanda: Pelos motivos já descritos acima, observa.se sensível diminuição de matrículas. Queiram observar:

Ainda a ser considerado:

1. A CEA é uma Instituição sem fins lucrativos, mas não filantrópica – Isto significa que ela não goza de isenção de encargos sociais. Os descontos de mensalidade, tão solicitados, e que conforme nossos Estatutos devem ser concedidos, não são subsidiados pelo poder público e sim pela própria Instituição, comprometendo gravemente a sobrevivência da Entidade.
2. Novo ensino médio exigido pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC) – Dada a nossa situação financeira não teremos condições de atender tal exigência governamental.
3. Crise do setor – É uma realidade em todo o Brasil o fechamento das escolas particulares; não somos um caso isolado. Solicitamos o apoio de várias redes educacionais, mas dada situação atual este se lhes apareceu inviável.
4. Por fim, o déficit que herdamos compromete.nos no presente e vai nos comprometer ainda por vários anos, exigindo pagamento de altíssima mensalidade à Receita Federal.

Diante da necessidade premente acima exposta foram requeridos à Diretoria de Ensino de Taubaté orientações e procedimentos legais para o encerramento das atividades da referida Escola. Tudo será realizado obedecendo normas dos órgãos competentes e sem causar danos a quem está ligado direta e indiretamente à Instituição.

Isto presente, a Direção se compromete a:

1. Assumimos o compromisso de honrar todos os pagamentos aos funcionários na rescisão dos contratos.
2. As atividades escolares serão cumpridas conforme calendário escolar, com fidelidade ao Regimento do Colégio.
3. Para esclarecimentos e dirimir dúvidas; formamos uma equipe. Interessados queiram agendar horário para atendimento na Secretaria.
4. Nossa Instituição enquanto pode, cumpriu sua missão com dignidade. Queremos, com o mesmo espírito encerrá.la.

Somos gratos a todos que fizeram parte desta nossa história.

Contamos com sua compreensão e apoio.

Att.

Cônego José Luciano Matos Santana
Presidente da Cruzada Escolar Anchieta